O aspartame que é prejudicial para a saúde?, este componente pode ser tóxico para o nosso organismo e, por conseguinte, contribuir para a formação a médio e longo prazo de tumores e doenças degenerativas do tipo?, últimos estudos, levados a cabo pela comunidade científica confirmam oficialmente que o aspartame não é prejudicial para o nosso bem-estar, mas que é até saudável, quer saber os detalhes? Nas últimas décadas, a polêmica sobre o uso do aspartame em produtos de emagrecimento como adoçantes ou bebidas e outros artigos se espalhou por diferentes segmentos da sociedade. Diante desta situação, os estudos a respeito se multiplicaram para esclarecer as dúvidas e boatos que circulam sobre este componente. Tanto é assim que o projecto de Parecer Científico elaborado pelo Painel de Aditivos Alimentares e Fontes de Nutrientes (ANS), da Autoridade Europeia de Segurança Alimentar (EFSA) recebeu o total reconhecimento por parte da Associação Internacional de Adoçantes (ISA), confirmando, assim, os efeitos benéficos que este componente pode ter para a nossa saúde. Neste estudo tão detalhado e minucioso foi investigado em profundidade a composição do aspartame, por parte de um grupo de investigadores altamente qualificados para chegar à conclusão de que não há rastro algum de toxicidade que possa incomodar a população. Com este tipo de estudos, o que se pretende é tranquilizar a população com relação aos efeitos do aspartame em nosso organismo, a médio ou longo prazo. Não obstante, se ainda há incerteza a respeito, a Comissão Europeia solicitou à AUTORIDADE que empreender novas pesquisas a respeito sobre os aditivios alimentares, entre os quais, obviamente, o aspartame. Por outro lado, há que lembrar que a segurança absoluta do aspartame para o nosso organismo foi totalmente apoiada pela JEFCA, a Organização Mundial da Saúde (OMS) e o Comité Misto da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a agricultura (FAO). Mas vós?, o que pensas sobre o uso do aspartame? Post Patrocinado