Alimentos como as frutas, os legumes, os frutos secos e o peixe são muito benéficos para a saúde do nosso coração, e por isso, seu consumo diário nos permite reduzir em grande medida o risco cardíaco. Os alimentos que não podem faltar na sua dieta para prevenir o risco cardíaco são os seguintes: –O peixe. Sua composição de ácidos graxos poli-insaturados omega 3 e seu efeito hipotensor e de redução dos níveis de triglicérides ajudam a diminuir as tendências venosa. -Reduzir, na medida do possível, os alimentos que contenham gorduras saturadas, que aumentam os níveis de colesterol. Neste sentido, a carne, a gordura, a manteiga, os lacticínios devem ser substituídos por legumes ou frutos secos, como amêndoas ou nozes. De fato, há estudos que afirmam que consumirnuecesmás de quatro vezes por semana é benéfico para diminuir o risco de mortalidade por doenças cardiovasculares, em comparação com pessoas que não as consomem. -É melhor comer carne magra, como a do frango. –As frutas e os legumes são essenciais na nossa dieta. Contêm vitaminas, potássio e água, elementos importantes para a saúde. Isso sim, não convém abusar de sucos de frutas, pois podem provocar um aumento de colesterol. -O consumo de vinho é benéfico, já que aumenta as concentrações de colesterol bom e além disso, é rico em antioxidantes. –O alho ajuda a reduzir o mau colesterol e, ao mesmo tempo, tem efeitos antitrombóticos. –O chocolate preto também é recomendável. Fornece antioxidantes e, além disso, reduz a pressão arterial. -Evitar o consumo excessivo de estimulantes e de bebidas alcoólicas. O consumo moderado de álcool pode melhorar a circulação, mas se consumida em excesso, o som cardíaco e a pressão arterial aumentam. Portanto, se cuidamos as quantidades de alimentos que temos comentado e fazem parte da nossa dieta habitual, podemos ter um efeito notório na saúde do nosso coração. Não esqueçamos também que, junto à alimentação saudável, o nosso estilo de vida vai ser muito importante para reduzir o risco cardíaco.